Faça você mesma: Potinhos de vidro decorados

Amo fazer coisinhas artesanais, principalmente se for pra reutilizar itens que iriam para o lixo.

Olha só minha última arte:

DSC_0452

Quer fazer também? Então veja o passo a passo:

Materiais:

– Potes;
– Tesoura;
– Cola (usei a Pegamil Artesanato);
– Tecido de algodão;
– Bordado inglês com passafita;
– Caneta.

Como fazer:

– Marque a circunferência da tampa no verso do tecido com a caneta. Corte com uma pequena sobra (o suficiente para colar nas laterais da tampa);

DSC_0455

– Cole o tecido na parte de cima da tampa para fixar. Depois cole as bordas do tecido em toda a lateral da tampa;

DSC_0449

– Cole o bordado com passafita na lateral da tampa, por cima do tecido que você já colou. Conforme você vai colando faça umas dobrinhas no bordado, formando uma sobrinha, para ele ficar mais rodadinho. Depois é só fixar as dobrinhas com a cola;

Prontinho. Simples, fácil e super fofo. Não acham?

Você também pode revestir todo o vidro com tecido. Neste caso você decora a tampa conforme descrito acima e no corpo do vidro você pode fazer assim:

DSC_0445

Primeiro uma observação: Para colar o tecido no corpo do pote eu usei outra cola, a Tek Bond 793, porque ela é mais rápida e melhor para usar aqui, caso em que o tecido estará dobrado. Se usar esta cola em uma só camada de tecido, como no caso da tampa, não funciona, porque ela é mais fluida e esparrama pelo tecido.

– Corte tecido suficiente para fazer a volta no corpo do pote, deixando uma sobra de cerca de dois centímetros, tanto no comprimento quanto na largura;

– Cole o tecido dobrando um pedacinho para dentro, formando uma barrinha, para não desfiar. Faça esta barrinha também na finalização, quando estiver terminando de cobrir toda a circunferência.

Eu, particularmente, prefiro decorar só a tampa, acho que fica mais bonito e dá pra ver melhor o que tem dentro do pote, porém há alguns potes que ficam com resquícios do rótulo, aí é melhor revestir o “corpinho” do pote também. Mas fica a seu gosto, é só soltar a imaginação e decorar do seu jeito!

Se forem fazer e tiverem alguma dúvida, fiquem a vontade para perguntar, tá?

Se fizerem, me contem!

Ná Blézins

Diário de Desfazimentos e de Compras – Abril 2016

Desfazimentos:

Desfazimentos Abril 1
Parte dos desfazimentos

– 2 leggings;
– 7 saias;
– 9 blusas de frio;
– 16 vestidos;
– 2 calças jeans;
– 5 camisas;
– 1 shorts;
– 29 blusinhas;
– 2 coletes;
– 2 camisetas;
– 1 parte de cima de um biquíni;
– 2 meias calças;
– 4 pares de meias;
– 10 sutiãs;
– 2 lençóis;
– 2 jogos de tapetes (5 tapetes no total);
– 1 desodorante colônia.

Sei que pode ser assustador ler que me desfiz de tantas roupas, mas vou tentar me explicar resumidamente. Minha mãe vende roupas novas e usadas e ganho muitas coisas dela, na verdade, mesmo antes de ela vender roupas ela já me dava muitas coisas (roupas, cosméticos, coisas pra casa…). Mas já me resolvi com ela, e hoje quando ela quer me dar algo, eu vejo primeiro, se eu realmente quero ou preciso, fico com aquele item, senão devolvo pra ela e ela dá pra outra pessoa ou vende no seu brechó. Eu também já tive um brechó, que ganhei da minha mãe em 2014. Em 2015, nós (marido e eu) fechamos ele. Aí eu fiquei com diversas peças pra mim, que eu achava que iria usar. Eram peças bonitas, só que meu guarda-roupa ficou desequilibrado. Eu tinha um monte de roupas pra passear e poucas roupas básicas. Só que eu não saio muito e não fazia sentido ter todas aquelas coisas. E tem mais uma coisa que contribuiu pra eu acumular tantas roupas: quando eu parava de usar algum item, porque não gostava mais dele ou ficava velho, eu deixava guardado ao invés de me desfazer logo dele. Cheguei ao ponto em que minhas roupas mal serviam no guarda-roupa. Aí eu cansei, percebi que preciso de pouco pra viver, e estou me desfazendo de muuuitas coisas. É isso!

Compras:

DSC_0460.JPG
Parte das coisinhas compradas

Jogo com 4 bacias e 1 balde. Apareceu um moço vendendo eles aqui no portão de casa. Aí compramos pra ajudar ele e na verdade estão sendo bem úteis;
3 linhas para ajustar roupas;
1 touca de tricot. O frio chegou, né minha gente? E eu tô precisando de umas coisinhas pra suportá-lo, a touca era uma delas.

Os itens abaixo são todos para ir ao casamento de uma amiga, que será no mês que vem:
Maquiagens. Eu estava precisando, porque como não uso muita maquiagem, as minhas estavam velhinhas. Os itens que comprei até agora foram: 1 máscara de cílios, 1 duo de sombras, 1 pó compacto e 1 batom matte. Ainda faltam umas coisinhas;
1 esmalte;
1 sapato de salto. Eu realmente precisava dele, porque não tinha nenhum sapato de festa. Pensei e procurei muito antes de comprar este item, porque eu queria algo bonito e confortável. Às vezes eu acabo comprando algo que não gosto depois, porque no momento da pressão, de ter que achar algo, acabo comprando alguma coisa mesmo sem ser bem aquilo que eu queria e acabo me arrependendo. Comprar este item foi um desafio pra mim, pra ver se eu realmente conseguiria fazer uma compra bem pensada. E, parece que deu certo, porque estou satisfeita com minha compra. O sapato é bonito e confortável (pra um sapato de festa). Só acho uma pena ser um item que será difícil eu usar novamente, mas que sim, eu precisava comprar.
Almofadinhas para topete. Não achei uma exatamente do jeito que eu queria, mas comprei esta porque fiquei com medo de não achar a que eu quero.
Umas florzinhas e uma cordinha pra fazer um acessório de cabelo. Eu queria uma daquelas cordinhas que usamos entrelaçadas na trança, mas não achei nenhuma ao meu gosto. Aí eu comprei estas coisinhas pra fazer meu próprio acessório.

Acho que comprei bastante coisas, mas não estou me incomodando, porque eram coisas necessárias, principalmente por conta do casamento em que pretendo ir. Já perceberam que o assunto aqui será casamento, né? Haha.

Ná Blézins

 

Resultado: Uma meta por semana – Abril 2016

Me desafiei a cumprir uma meta por semana (veja aqui: https://eunaosoutodomundo.wordpress.com/2016/03/27/uma-meta-por-semana/), porque eu estava deixando uma porção de coisas que precisava ou queria fazer acumularem. Acho até que quando eu pensava em tudo o que tinha pra realizar, parecia que nunca colocaria tudo em dia e aí é que eu desanimava de vez e nada saia do lugar.

Agora, depois de pouco mais de um mês do início do projeto Uma Meta por Semana, posso dizer que assim, decidida a ir devagar e sempre, as coisas estão caminhando . Acho que determinar um mínimo a ser realizado me animou e estou conseguindo fazer mais do que isso. Se eu realizo uma tarefa e ainda há ânimo e tempo, realizo outra. Na verdade, já realizei quase todas as metas que escrevi no primeiro post, só falta continuar ajustando algumas roupas. Mas, como não eram só aquelas metas que eu tinha, elas eram só um exemplo, pretendo continuar firme e forte no meu desafio.

Então, lá vai o resumo das metas cumpridas, da última semana de Março até a última semana de Abril:

DSC_0452
Potinhos que decorei

Março:
Semana 4: Fiz um avental que queria, comprei um presente de casamento e publiquei um post atualizando a situação do meu cabelo.

Abril:
Semana 1: Lavei e doei uma porção de roupas que estavam guardadas.
Semana 2: Ajustei cinco peças de roupa e cortei os pelos do Laka (meu baby canino).
Semana 3: Escolhi um vestido e comprei sapato e maquiagens para ir ao casamento de uma amiga. Decorei uns potinhos, coisa que queria fazer há tempos.
Semana 4: Levei uma rasteirinha ao sapateiro para ser consertada.

O que eu posso dizer? Tô felizona com as minhas metas cumpridas!

E você? Também tem tarefas acumuladas? Está conseguindo cumprí-las? Você também pode tentar este desafio!

Ná Blézins